terça-feira, 19 de junho de 2012

[OPINIÃO] O que tenho buscado no movimento LEO?

Muitas vezes nos perguntamos o que realmente queremos dentro dos nossos clubes de LEO, o que buscamos e qual nosso proposito como sócio de um clube de serviço desinteressado. Será que temos o verdadeiro espirito de LEO? Quando ingressamos no movimento devemos buscar o verdadeiro significado de 'ser LEO', de ser leão, de ser líder. Permanecer no movimento apenas por eventos, amizades não é justo, porque a partir do momento que você não tem amor pelo movimento você mancha a beleza do clube, e impede que a sementinha do LEO cresça mais e ainda mais bonita. 

Amar o movimento, tudo que ele faz e proporciona é o primeiro passo, inclusive o protocolo, sim companheiros você não é obrigado a gostar dele, mas é sim a conhecer e respeitar. Sua função, eu diria até obrigação a partir do momento que é chamando de C. LEO é conhecer o regulamento, nem que seja o minimo, buscar a história do LEO, a do seu clube, conhecer a hierarquia do movimento. Tudo passará a ser mais prazeroso e fazer mais sentido. E se não fizer, desculpe o LEO não te escolheu, porque enganasse você se pensar que você escolheu o movimento, ele escolhe e seleciona as pessoas, por isso muitos desistem no caminho. É por isso que a seletividade, quantidade não é qualidade, e no movimento de LEO a qualidade dos membros é o que mais importa.


Então nunca pare de buscar, de conhecer, de se informar mais sobre o movimento do qual você faz parte, para se tornar um grande lider é preciso conhecer mais, está disposto sempre a aprender, ter amor pelo que faz e principalmente, respeito.











Monica Pereira
Ex- presidente do LEO JUNIOR J.C.M de Icó  
AL 2008/2009 - 2009/2010
Atualmente sócia do LEO Clube de Icó - Distrito LEO LA 4

We're back


Olá companheiros LEO, como vão?
Primeiramente vamos começar pedindo desculpas pelo tempo sem postar,  e ter desaparecido sem dar explicação nenhuma. Então aqui vamos as explicações, os motivos foram os estudos, isso mesmo, o ingresso na faculdade, a mudança de cidade, a falta de tempo, a dificuldade de contato com outros colaboradores do blog. Estava difícil de manter o blog atualizado com frequência mantendo as qualidades das postagens. Mas o amor pelo movimento se mostrou maior que tudo e que todas as dificuldades, tentaremos continuar com o trabalho aqui no blog, talvez não com a frequência esperada mas com a qualidade que os companheiros LEO, Leões e LEO Juniores merecem. Conto com vocês visitando, comentando, deixando critica, sugestões. Sempre interagindo para melhor funcionamento. 
LEOísticamente,
a equipe.


quinta-feira, 8 de março de 2012

Dia Internacional da Mulher



Mulher
Semente...
SER-mente...
SER que faz gente,
SER que faz a gente.

Mulher
SER guerreiro, guerrilheiro, lutador...
multimídia, multitarefa, multifaceta, multi-acaso...
multi-coração...

Mulher
SER que dá conta,
que vai além da conta,
que multiplica,
divide, soma e subtrai, sem perder a conta,
sem se dar conta, de que esse século foi seu parto,
na direção de seu espaço,
de seu lugar de direito e de fato,
de seu mundo que lhe foi usurpado e que agora é por ela ocupado.

MULHER... 
Esse SER florado, 
esse SER adorado,
esse SER adornado, 
que nos põem em um tornado, 
nos deixa saciado e transtornado, 
que nos faz explodir e sentir extasiado. 
SER admirado...

PARABENS MULHER! 
Não pelo oito de marco,
nem pelo beijo e pelo abraço,
nem pelo cheiro e pelo amaço. 
Mas por ser o que és...
Humus da humanidade,
Raiz da sensibilidade, 
Tronco da multiplicidade, 
Folhas da serenidade, 
Flores da fertilidade, 
Frutos da eternidade...
Essência da natureza humana.

Parabéns...

quarta-feira, 7 de março de 2012

[SABER] Primeira Sócia Brasileira


A primeira sócia no Brasil, Dom Maria Nydia Manzano de Freitas A domadora Maria Nydia Manzano de Freitas, era viúva de um Companheiro Leão do Distrito L-12 (atual LB-1). O progresso das telecomunicações beneficiou-a. Assim, ela pôde se associar ao LIONS Clube de Assis, imediatamente após a aprovação da moção que permitiu o ingresso de mulheres como sócias dos LIONS Clubes, na Convenção Internacional de Taipe, na China. Eis a história: “O Governador 87/88 do Distrito L-12, CL Salvador Sindona Filho, não podendo permanecer em Taipe, até o final da Convenção, telefonou de Hong-Kong para o Representante da Associação Internacional, CL José Carlos Engler de Vasconcellos, às 6 horas da manhã do dia 5 de julho para saber o resultado da votação da moção sobre as mulheres no Leonismo. Assim que o CL Vasconcellos confirmou a aprovação da moção, o CL Sindona ligou para o lions Clube de Assis (SP). Em São Paulo eram 19 horas do dia 4 de julho e estava se iniciando uma reunião festiva no Clube. Imediatamente, a ex-Domadora Maria Nydia Manzano de Freitas foi admitida como sócia do LIONS Clube de Assis”. 
Este parágrafo parte da notícia publicada pela Revista The LION em Português, nº 140 - setembro/outubro de 1987.

segunda-feira, 5 de março de 2012

[SABER] Mulher no Leonismo


Dallas, 8, 9 e 10 de outubro de 1917: realizava-se a I Convenção do Lions. Nesta Convenção os delegados votaram a favor do ingresso da mulher no Lions, como sócias. O fato é que, na II Convenção de St. Louis, Missouri, em 1918, no ano seguinte, portanto, essa resolução caiu por decisão dos mesmos delegados. 
Depois, só na Convenção de Taipe, na China, em 1987, as mulheres voltaram a ter direito a ingressar como sócias no Lions. Vale lembrar que em 1925, Hellen Keller, recebeu o título de sócia honorária. Em 1987, na cidade de Taipe, Taiwan, República da China, cenário de uma das maiores convenções da Associação Internacional de LIONS Clubes. Repleta de pompa e de hostilidade chinesa, a convenção foi assunto de primeira página dos jornais locais e de muitas partes do mundo. Uma das manchetes foi a emenda aos Estatutos de Lions. Setenta e sete por cento dos delegados à Convenção votaram a favor de estender os privilégios de afiliação às mulheres, numa base internacional.
Lions Clubes Internacional foi a primeira organização de clubes de serviço a tomar esta decisão. No Brasil, no entanto, em 1954, na Convenção Nacional de Salvador (BA), era empregado o termo “excelentíssimas senhoras” em referência às mulheres dos companheiros leões presentes, também a essas, na convenção do ano seguinte, em Sã Paulo-SP, empregava-se o tratamento “senhoras leonísticas” e “donas leonas”.
Finalmente, por resolução da 4ª Convenção Nacional realizada no Rio de Janeiro, em 1958, denominou-se “domadora” como a mulher do companheiro leão e diz a tradição que alguns destes companheiros abandonaram o Programa de LEO Clubes por discordar desta denominação que “desprestigiava o Leão”. Em 1975, foi instituído o “Lioness”, patrocinado e supervisionado por um Lions Clube, hoje em dia está extinto. Compreendia um clube só de mulheres.
Oficialmente, em Campinas-SP, no ano de 1981, na 22ª Convenção Distrital, foi aprovada que cada domadora recebesse a mesma denominação do cargo ocupado por seu Companheiro leão, pois assim como ainda ocorre com a domadora, esta se esquiva de poder votar, pois o voto é conferido apenas ao seu leão. Conhecidas hoje em dia como as “companheiras leão” as mulheres que têm este título têm (por direito e obrigações) as mesmas conferidas a um companheiro leão, dentre eles assumir cargos e votar durante uma assembleia.
Cartilha de LEO Clubes

quinta-feira, 1 de março de 2012

[SABER] Mestre de Cerimônias

Uma das figuras de proeminência em uma solenidade e um dos maiores responsáveis para seu sucesso é, sem dúvida, o Mestre de Cerimônias.
Distinguido pelo presidente dos trabalhos, cabe a ele o imprescindível papel de auxiliar direto da mesa na condução do protocolo.
Entretanto, o segredo de seu destaque está centrado na discrição.

O bom Mestre de Cerimônias não deve subtrair a atenção para si, mas conduzi-la aos outros protagonistas da solenidade. Suas intervenções facilitam o encaminhamento de cada um dos momentos que compõem a ocasião, tal qual um maestro, que conduz e harmoniza a música da orquestra.
- A discrição começa pelo traje. É salutar que o Mestre de Cerimônias não use cores chamativas ou utilize atavios espalhafatosos, que distraíam a atenção dos presentes. O que deve distingui-lo é o Medalhão de Mestre de Cerimônias, não a vestimenta.
- Ao receber o Medalhão, o Mestre de Cerimônias deve simplesmente abaixar a cabeça, permitindo que o Presidente da Mesa lhe coloque a galhardia. Deve-se evitar tocar o Medalhão.
- Investido das funções, sua primeira saudação é a guia de todo o seu trabalho e por isso merece atenção especial. Brevidade, elegância, educação. 
- Se quem compõe a Mesa é o Mestre de Cerimônias, preocupação especial com a ordem de precedência. É embaraçoso e deselegante esquecer um componente ou errar o momento do convite.
- Ao se referir a alguém, o Mestre de Cerimônias deve observar: Se se trata de um dirigente ou autoridade eleita, fala-se primeiro o nome da pessoa, depois a função. No caso de funções nomeadas, anuncia-se primeiro o cargo, depois o nome.
- O Mestre de Cerimônias não "passa a palavra". "Passar a palavra" é atribuição exclusiva do Presidente da solenidade e significa, em geral, uma quebra de protocolo. O Mestre de Cerimônias "anuncia" a palavra, "convida" para usar a palavra, "chama" ao parlatório, etc. 
- O Presidente da Mesa não faz "uso da palavra", e sim seu "pronunciamento", que deve ser anunciado pelo Mestre de Cerimônias, a menos que, pelo protocolo, já tenha, este, terminado suas funções.
- Ao entregar o Medalhão, o Mestre de Cerimônias também deve evitar tocar o colar, exceto para facilitar que o Presidente o retire.

Enfim, a medida do sucesso do Mestre de Cerimônias é sua capacidade de auxiliar a solenidade, sem ofuscá-la com seu brilho pessoal. Quanto menos ele aparece, mais importante ele se torna.

CL Luciano Guimarães Pereira

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

[SABER] Símbolos do LEO JUNIOR

Ainda não há uma simbologia padrão para os clubes de LEO JUNIOR, embora que atualmente o CILBRA está coordenando uma tentativa de acordo entre os quatro Distritos Múltiplos do Brasil para se organizar padrões nacionais de emblema, cores, siglas, etc. O que se tem de comum até agora é o uso da figura de Leões. Adotado pelo movimento Leonístico, Leoístico e Leojunístico para nos representar de forma genérica, porque tal animal desde a Idade Média já simbolizava a força, a nobreza e as tradições. Elementos estes estritamente ligados à filosofia de nossa Associação. Por não termos um Estatuto que estabeleça padrões para o emblema, encontramos atualmente no Brasil os seguintes logotipos para simbolizar essa mesma organização:




Encontrado no site Leonet Brasil, sem maiores informações aonde é usado;





Usado em alguns Distritos do DM LD;





Pelo LEO JUNIOR Dalvo Lopes Macedo (DM LC), que utiliza em sua comunidade no Orkut;






No DM LA o símbolo Padrão é apenas a face de um Leão, daí surgem pequenas diferenças entre os símbolos;






Esse é semelhante ao usado em todo DM LD, com algumas diferenças: em vez de vinha é azul marinho (foi oficialmente aprovado na  Conferência do DM);



No site Leonet Brasil, diz que ele é usado no DM LA, mas como só possui clubes de Leo Junior no Distrito LA-4 não me recordo de já ter visto algum clube utilizá-lo.



Considerações: O logo do Leo ou Lions não podem ser oficialmente usados por se tratarem de emblemas registrados pela Associação Internacional de Lions Clubes. Também não devemos utilizar nenhum desenho de patente da Disney ou outra grande empresa.
Fonte: Manual de LEO JUNIOR Cilbra - 2009/10

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

[ESTUDO] Como será o futuro leonístico? (2)

Indaga-se pelos “quatro cantos” do planeta como será o futuro do Movimento Leonístico?
Esta é, certamente, a pergunta que hoje em dia mais preocupa o Mundo Leonístico. Se é verdade que Lions muito tem realizado e, de um modo geral, continua a crescer quer em número de associados, quer em número de clubes e também na prestação de serviços, também é verídico que, em várias partes do mundo, atingiu uma posição estática, onde os Lions Clubes atuais mal estão mantendo seus quadros sociais, quando não, vendo-os decrescer.
Dificuldades iguais podemos encontrar com respeito a baixa frequência  dos associados, a queda do número deles e de sua fraca participação, dificuldades estas que atormentam muitos clubes.
Visualizando este quadro negativo e num esforço para combater tais problemas ásperos e manter a pujança do Lions Clube que todos desejamos, crescente e dinâmico, poderemos criar uma “Assessoria de Novos Rumos”, para que, através das sugestões solicitadas a todos os Lions Clubes do distrito, descubramos novos caminhos e novas possibilidades de ação do Lions na consecução de seu objetivo futuro.
De um modo geral procuramos respostas às seguintes indagações:
1. Como poderemos tornar nossa organização mais interessante e mais atraente para os associados?
2. Como poderemos estimular o maior envolvimento dos associados individualmente ou dos clubes com as equipes formadas por eles?
3. Como tornar o Lions mais eficaz na concretização de nosso mister de servir em toda sua escala?

É óbvio que, para o sucesso da mesma, além da contribuição de seus integrantes, espera-se a colaboração de cada companheiro, sugerindo-lhe novas ideias, novos programas e opções para consecução da sua tarefa, tendo presentes as três indagações anteriores.
Em particular, a comissão estará solicitando o seguinte:
1. Ideias para novos programas, novos conceitos e novos procedimentos.
O Programa Sightfirst (A Visão em Primeiro Lugar) é um excelente exemplo de um projeto bem sucedido em âmbito internacional. Mas novas ideias não precisam ser tão grandiosas e/ou abrangentes. Ideias bem mais modestas podem gerar melhores e maiores impactos no Lions em nível de região ou distrito. As possibilidades são ilimitadas.
Deve haver um grande número de maneiras para alargar nosso envolvimento nessa área tão vital do Lions Clube.
Precisamos urgentemente sair da acomodação e da letargia em que nos encontramos e aplicarmos nossas habilidades e energias para respondermos às necessidades da comunidade e satisfação de todos nós.

LINK PARA PRIMEIRA PARTE DO ESTUDO> LINK DE ESTUDO 1

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

[DINAMICA] Troca de segredo

- Participantes: 15 a 30 pessoas
- Tempo Estimado: 45
- Modalidade: Problemas Pessoais.
- Objetivo: Fortalecer o espírito de amizade entre os membros do grupo.
- Material: Lápis e papel para os integrantes.
- Descrição: O coordenador distribui um pedaço de papel e um lápis para cada integrante que deverá escrever algum problema, angústia ou dificuldade que está passando e não consegue expressar oralmente. (Ou o Clube)
Deve-se recomendar que os papeis não sejam identificados a não ser que o integrante assim desejar. Os papeis devem ser dobrados de modo semelhante e colocados em um recipiente no centro do grupo. O coordenador distribui os papeis aleatoriamente entre os integrantes.
Neste ponto, cada integrante deve analisar o problema recebido como se fosse seu e procurar definir qual seria a sua solução para o mesmo. Após certo intervalo de tempo, definido pelo coordenador, cada integrante deve explicar para o grupo em primeira pessoa o problema recebido e solução que seria utilizada para o mesmo. Esta etapa deve ser realizada com bastante seriedade não sendo admitidos quaisquer comentários ou perguntas. Em seguida é aberto o debate com relação aos problemas colocados e as soluções apresentadas.
Possíveis questionamentos:
- Como você se sentiu ao descrever o problema?
- Como se sentiu ao explicar o problema de um outro?
- Como se sentiu quando o seu problema foi relatado por outro?
- No seu entender, o outro compreendeu seu problema?
- Conseguiu pôr-se na sua situação?
- Você sentiu que compreendeu o problema da outra pessoa?
- Como você se sentiu em relação aos outros membros do grupo?
- Mudaram seus sentimentos em relação aos outros, como consequência da dinâmica?

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

[INSTRUÇÃO] Amizade no LEO


"A amizade é um amor que nunca morre."
Mário Quintana

Grandes pessoas tiveram seus grandes amigos, amores, parceiros, companheiros ou podem nomear da maneira que ache melhor. Apenas sabemos que essas pessoas que estão a todo e qualquer momento conosco são especiais. Tem sua maneira específica de falar, de ouvir, de saber dizer algo tão confortante em um momento tão complicado.
O movimento LEO proporciona a todos que fazem parte essa oportunidade de fazer grandes amigos, muitos são separados por longos quilômetros de distância. Mas nem horas de viagem, inúmeros ônibus, aviões são capazes de desestruturar uma amizade que nasce no nosso movimento.
Dentro de nosso clube os casos são ainda mais importantes, porque além de amigos, nós ganhamos irmãos que vão em nossas casas fazem a maior bagunça e deixam tudo para nós organizarmos e o pior, nossos pais ainda brigam conosco. Fazemos amigos que vão pra festas conosco fazem a maior zona e no final sempre temos que ir deixar em casa, afinal irmão cuida de irmão.
E vai falar de viagens, horas dentro de um transporte faz com quem encontremos nosso 'irmão-gêmeo' separado na maternidade. Coisas em comum tornam essas amizades ainda mais fortes.
Companheiro que é amigo arruma as maiores brigas nas reuniões até por motivos futeis, mas no final da reunião saímos de mãos dadas e dando beijos combinando o programa da noite. O LEO é um grupo de pessoas que tornam-se família acima de tudo.

C.LEO José Tibério

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

[ESTUDO] Como será o futuro leonístico? (1)

Um dos assuntos que mais se comenta atualmente é o destino do Lions Clubes.
A pergunta que mais se faz é como será o futuro do Movimento Leonístico?
Estudo formulado pelo CL Paulo Fernando (Distrito LC)

Primeiro: Estamos no caminho certo?
Segundo: Com que forças poderemos contar?
Minha resposta à primeira pergunta é: Sim! Estamos no caminho certo. Nossos programas são válidos e atuais. Com muito cuidado e ponderação temos contribuído enormemente para o desenvolvimento humano.
Ao mesmo tempo, estendemos nossa organização a mais de 202 países e com mais de 1.400.000 associados. E, ante a complexidade de dirigir tão imensa organização , temos procurado nos adequar com meios e técnicas modernas.
Assim temos procurado melhorar e atualizar os nossos meios de comunicação, a nossa literatura, os nossos controles operacionais e o nosso sistema de computação. Em resumo, dentro de nossas limitações financeiras os clubes, os distritos têm procurado manter uma estrutura administrativa à altura do crescimento e das necessidades da nossa organização.
Esse é o caminho que escolhemos, o caminho das boas ações praticadas todos os dias, dos projetos ousados que desafiam a nossa imaginação, a nossa inteligência e a nossa liderança. É esse o caminho que o Lions Clube deve seguir para atingir um futuro promissor.
Com relação à segunda pergunta, com que força poderemos contar? É preciso dizer que, em última análise, toda a nossa força e todo o nosso poder se concentra no leão. Cada leão é a força real do destino do Lions, homens e mulheres que livremente aceitaram o Lions e que estão sempre animados e dispostos a servir.
Em 1.917 havia um só homem, Melvin Jones, empolgado por essa ideia. Hoje, em 2012, possuímos  mais de um milhão e quatrocentos mil Melvin Jones.
De todas estas linhas de pensamento surgiu-me a ideia de discorrer sobre o Lions atual e qual seria o futuro  de nossa organização.
Os princípios fundamentais sobre os quais Lions foi edificado são básicos e continuarão a ser os pilares sobre os quais continuamos a construir no futuro. Entretanto, nenhuma obra do homem é perfeita e acabada, sempre há lugar para melhoramentos em qualquer organização. Em consequência  acredito ser saudável e construtivo dar ensejo a se pensar em novas maneiras de se fazer as coisas, novas ideias construtivas, todas planejadas e destinadas a aperfeiçoar nossa eficácia na consecução do ideal de servir a humanidade e trabalhar pela paz mundial.
Sempre entendemos que uma organização não pode permanecer estática. Se não progredir, regredirá fatalmente. O Lions tem sido grande em todos estes anos de serviços mas ainda pode ser muito maior no futuro.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

[DINAMICA] 30 segundos

- Participantes: indeterminado
- Tempo Estimado: de acordo com o tema e número de participantes
- Modalidade: Debate.
- Objetivo: Estimular a participação de todos por igual nas reuniões e evitar interrupções paralelas.
- Material: Nenhum.
- Descrição: O coordenador apresenta um tema a ser discutido pelo grupo. Baseado neste tema, cada integrante tem trinta segundos para falar sobre o assunto apresentado, sendo que ninguém, em hipótese alguma, pode ultrapassar o tempo estipulado, ao mesmo tempo em que os outros integrantes devem manter-se em completo silêncio. Se o comentário terminar antes do término do tempo, todos devem manter-se em silêncio até o final deste tempo. Ao final, a palavra o tema pode ser, então, debatido livremente. O coordenador também pode desviar, utilizando como tema, por exemplo, "saber escutar e falar", introduzir questões como:
* Sabemos respeitar e escutar (e não simplesmente ouvir) a opinião do outros?
* Conseguimos sintetizar nossas opiniões de maneira clara e objetiva?

sábado, 28 de janeiro de 2012

Saber LEO comemora!

C.LEO Júnior e C.LEO JUNIOR Eduardo,

28/01
É com os melhores sentimentos de carinho e um coração cheio de motivos para estarmos aqui  homenageando essas duas pessoas dessa forma especial, a mensagem demonstra os extremos de sentimentos verdadeiros e profundos, de maneira casual passamos a fazer parte de suas vidas, aprendemos a valorizar alguns detalhes, registrar e guardar quase todos os nossos momentos, de preferência os mais especiais.
Queremos agradecer neste momento pela felicidade que estamos sentindo em dar e receber amor, compartilhar de sentimentos que simplesmente nos fazem vibrar de alegrias e emoções.
19/01
Queremos que sejam felizes e faremos com que todos os seus melhores momentos sejam trilhados de amor, paz, confiança e muito carinho e respeito.
A vida é um livro e a cada dia escrevemos uma página, que nossas histórias sejam linda s, marcadas por ótimos instantes e lindas lembranças.
Que este momento único nessa mensagem possa se eternizar dentro do nosso coração.
Feliz Aniversário!!!




De toda equipe SL: José Tibério, Beatryz Felix, Clara Virna,
Ariane Lino, Wellington Cerqueira.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Encontro de Região Minas A - LB-3

Ocorreu nos dias 20,21 e 22 de Janeiro de 2012 em Dores do Indaiá – MG o Encontro de Região Minas A, do Distrito LEO LB-3 AL 2011/2012, 
Era para ser um simples encontro de Região Minas A do distrito LEO LB-3, mas se tornou a 1ª Irmanação Distrito LEO LB-3 com a participação dos Distritos LEO LC-4 e LC-12.
Clubes presentes:
LB-3: Dr. Brandão, Jesseê Fernandes, Coromandel, Perdizes, Lagoa da Prata, Dores do Indaiá e Unaí Marina Góes.

LC-4: Garimpeiro (BH), Fênix (Santa Luzia/MG), Caeté/MG, Perfeito (Divinópolis/MG), SER (Pompéu/MG), Bom Despacho/MG e Potência (Vespasiano/MG)
LC-12: Formiga/MG, Arcos/MG e TXAI (Itapecerica/MG).
Com 120 companheiros presentes.

Na Sexta 20/01/12 Teve a recepção e Inscrições depois fomos conhecer a cidade, e entramos em uma boate onde nos divertimos muito e interagimos com todos os Clubes,
Sábado 21/1/12 Tomamos o Café da Manhã e fizeram Reabertura das Inscrições, pois havia chegado mais clubes principalmente os do LC-12 e LC-4, depois tive a Abertura do Encontro de Região Minas A com a Primeira Plenária com Palavra ao Presidente Distrital C.LEO Hugo Peras e Coordenador de Região Minas A Jerônimo Neto e Presidentes ou Representantes de cada clube e LIONS Clubes presentes. Subsequente teve Almoço e Encerramento das Inscrições, a C.LEO Ranny Secretaria do Distrito LEO LB-3 fez uma mesa redonda com os secretários e representantes de cada clube, foi lá que surgiu uma grande liderança do Victtor Regino do LEO Clube de Lagoa da prata que mesmo sendo um visitante mostrou que irá ser um grande líder, de Tarde fomos para o rancho Paraíso das Festas confraternização entre os clubes todos estavam com seus biquínis, sungas e TODA a sua disposição pois a tarde foi demais,Voltamos para cidade tomamos Banho e fomos para  Comemoração dos 18 anos do LEO Clube de Dores do Indaiá e Jantar de Gala, voltamos pra o alojamento para arrumar para  Festa - Baile do Hawaii que foi inesquecível.
Domingo 22/1/2012 Acordamos, tomamos Café da Manhã. Vimos a Apresentação dos Clubes da Região Minas A e Mesa Redonda (Campanhas, Projetos, Problemas a nível Distrital). Troca de idéias e informações com clubes de outras regiões e distritos. Onde cada representante de clube falou um pouco, mas o que mais chamou a atenção de todos foi o amor ao Leoísmo mostrado pela C.LEO Rafaela Resende Alves do LEO Clube de Lagoa da Prata,
Teve o encerramento e Premiações, tiramos a foto oficial do evento, Almoço e despedidas e agradecimentos do C.LEO Vinicius Rodrigues Coordenador do Evento e C.LEO Paula Ribeiro Presidente do LEO Clube de Dores do Indaiá e todos os companheiros presentes.
Enviado pelo C.LEO  Julio Marques

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Presidência: 6 primeiros meses

Estamos chegando ao final do mês de Janeiro e de acordo com nosso calendário Leoístico já decorremos 6 meses do AL iniciado no ano passado. E sabemos que em todos os clubes algumas dificuldades foram passadas, obstáculos superados, amizades fortificadas entre outros aspectos.
Convidamos 3 presidentes do Distrito LEO LA-4 para falar sobre metade da sua gestão.



Leandro Florentino     
"Durante esses seis primeiros meses de gestão a maior dificuldade que tive, e que ainda estou tendo, é a de motivar os sócios. A maioria dos companheiros acha que o AL é responsabilidade apenas do Presidente, ou de sua Diretoria, e esquecem que o Clube na verdade é feito por todos, sem exceção. Criar panelinhas, criticar sem apontar soluções e ficar de braços cruzados vendo o AL passar são atitudes que causam grandes transtornos. Para driblar essa situação procuro sempre incentivar os sócios a participarem das reuniões ordinárias, através de envio de mensagem e ligações. Além disso lemos sempre parábolas nas reuniões para cada companheiro refletir seu papel dentro do Clube. Realizar dinâmicas e momentos de confraternização também tem sido uma solução executada. Mas são esses obstáculos que nos motivam a fazer um trabalho bem feito. E é preciso sempre acreditar que com Trabalho e União é possível fazer a diferença! Vamos Trabalhar!"


Irlas Prata
"Ser presidente de um clube é sempre um grande desafio, mesmo que você já tenha liderado outras vezes, algumas dificuldades sempre aparecem principalmente no inicio do AL, quando você ainda esta se adaptando a função. Por experiência, acho que o maior problema é o distanciamento de sócios, pois cada um, em sua vida particular desempenha outras funções. Uma boa alternativa para tentar amenizar, é conversar com cada sócio, e saber de suas necessidades pessoais e coletivas, logo depois organizar uma reunião para que cada um exponha suas sugestões. E assim seja estabelecida uma maior organização em horários e dias de reuniões, campanhas, festas, entre outros de acordo com a disponibilidade de cada sócio...Assim todos podem participar, e não correram o risco de se afastarem do clube, devido a alguma inconveniência."



Wagner Albuquerque
"A minha maior dificuldade que encontrei nos meus primeiros 6 meses, foi o fato do clube estar totalmente desorganizado financeiramente e socialmente, outra dificuldade foi o  fato de sermos novos  no movimento e não termos tanta experiencia, essas foram as dificuldades encontradas e que ate hoje eu venho lutando para manter tudo em ordem, apesar de ser um pouco difícil. Tive que recorrer a outros companheiros mais experientes do que eu, principalmente aos companheiros  do Distrito, para mim  manter informado da situaçao do clube, companheiros Leos que ajudaram bastante. Em relacão ao quadro social as campanhas ajudaram bastante a divulgar o movimento na cidade e assim podemos recrutar novos companheiros."

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

FOLEOBRAS - Informações


* O evento tem inicio na sexta-feira e a partir das 10 da manhã o hotel estará aberto para a recepção e inscrição dos companheiros.
* O evento termina no domingo, após o almoço. E a inscrição dá direito a permanência no hotel até as 14hs do domingo.
* No dia do evento (sexta-feira) estará uma equipe de prontidão no aeroporto fazendo a recepção dos companheiros. Porém, algumas caravanas chegará antes disso (umas na quinta, e outras até na quarta-feira que antecede o evento). Para essas pessoas, nós não temos como estar no aeroporto direto, mas dentro das nossas possibilidades, estaremos lá para aguardar a chegada das turmas.
* O evento disponibilizará transporte para o traslado para levar e trazer o pessoal a todas as programações que aconteçam fora do hotel.
* O valor da inscrição é 250 reais (e este valor permanecerá até a data do evento) e dá direito ao seguinte:
- Hospedagem da sexta 10 da manhã até domingo, 14hs
- Alimentação (café da manha, almoço, jantar e coffee break)
- Material do evento: pasta, pin, crachá, certificado, caneta, etc
- Festa na sexta e no sábado a noite
- passeio turístico de barco pela orla marítima de Fortaleza
- Lazer em barraca de praia
- Traslado para conduzir os companheiros aos Locais externos ao Hotel;

* Para os companheiros que vão passar mais dias em Fortaleza e desejarem continuar hospedados no hotel do evento, a diária no hotel custa 140 reais para apartamentos triplos (ou seja, esse valor de 140 pode ser dividido para 3 pessoas). Os contatos do hotel para reservas são: (85)34773900 /eventos@doroteiasce.com

* Os companheiros menores de idade que se hospedarão no hotel do evento, necessitam estar com sua documentação (RG ou certidão de nascimento) e uma autorização dos pais, declarando que este menor está na companhia de algum responsável. Para quem desejar, temos um modelo e podemos enviar. É só solicitar pelo email: manuellaleite17@hotmail.com

FOLEOBRAS - (1)

Todos os anos, os LEO Clubes de todo o Brasil se reúnem em uma cidade em um evento intitulado FOLEOBRAS – Fórum Leoístico Brasileiro. Nessa ocasião, são dadas novas diretrizes aos projetos que serão desenvolvidos pelo Movimento LEO, ocorre o intercambio de clubes, o que proporciona um melhor aproveitamento, haja vista que experiências são mutuamente trocadas.
O Fórum, geralmente, é realizado em um final de semana (sexta, sábado e domingo) do mês de janeiro. Segue-se uma extensa programação de reuniões, plenárias, treinamentos, concursos e confraternização entre os companheiros. Nela, também, é eleito o próximo dirigente do CILBRA – Comitê de Integração LEOística Brasileira, e escolhida a futura cidade a sediar o próximo Fórum.
No último evento, o FOLEOBRAS realizado em Caldas Novas - GO, os Companheiros LEOs aprovaram por unanimidade o Distrito LEO LA-4 (Estado do Ceará) como anfitrião do FOLEOBRAS 2012. Os principais fatores para a indicação foram a competência e a eficiência transparecidas nas muitas campanhas e promoções realizadas por este Estado; e ainda, do respaldo do Distrito LEO LA-4, que possui uma grande experiência dentro do movimento Leoístico, já tendo organizado duas Conferências norte-nordeste.
O Centro de Eventos Dorotéias, está localizado no Condomínio Espiritual Uirapuru - CEU, localizado no Município de Fortaleza - CE, a 10 minutos de distância do aeroporto e da rodoviária. O local reúne todos os requisitos para realizações de seminários, congressos e treinamentos, onde os encontros acontecem num ambiente de harmonia beleza e integração com a natureza.  Sua infraestrutura – composta por 98 apartamentos climatizados com suítes, 05 auditórios, 03 salas de estar/convivência e coffe break com vista para o jardim, 01 restaurante, estacionamento privativo e áreas de lazer.
 Tendo avaliado tais condições que proporcionam adequadas características físicas para a efetivação do evento apresentado, o Comitê Executivo do FOLEOBRAS optou por sua locação firmando o período do evento nos dias 27,28 e 29 de janeiro de 2012.



quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

[DICA] Certo e errado

O que é certo e errado na motivação de uma equipe? Você sabe diferenciar?


ERRADO

1. CRÍTICA
Não há meio mais eficiente de matar a motivação do que a crítica.
2. FALTA DE HUMILDADE
Na realidade, devemos ser modestos, porque nenhum de nós realiza, realmente muito.
Nos passaremos e seremos esquecidos no LEOísmo, em alguns anos.
3. DISCUSSÕES DE IDEIAS
Nós não podemos vencer uma discussão. Se perdemos, perdemos mesmo, e, se ganharmos também perdemos .
4. IMPOSIÇÃO DE IDEIAS
É mais prudente ver as coisas, pelo menos, às vezes, pelo ponto de vista alheio.


CERTO
1. O PODER DO ELOGIO
Através do elogio temos condições de incentivar as pessoas para concretizarem suas possibilidades latentes .
Portanto, para conseguir maior cooperação, seja sincero na sua aprovação e pródigo no seu elogio.
2. “FISGAR O PEIXE”
Existem apenas um meio de conseguir que alguém faça alguma coisa. Este meio é conseguir que a outra pessoa queira fazer, ou seja para motivar as pessoas a realizarem algo.
3. PROMOVA UM DESAFIO
Incentivar os sócios a superarem os seus próprios limites.


Manual de Instrução e Preparação de Líderes - C.LEO Monaliza Mayane AL 09/10 (LEO LA-4)

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

[DINAMICA] Falar até queimar

Material
Uma caixa de fósforo com fósforos

Desenvolvimento
1- Dispostos em círculo um participante recebe a caixa de fósforo e é convidado a riscar um palito enquanto o palito permanecer aceso deve falar de si apresentando-se (não pode ficar sem falar enquanto o palito estiver aceso e não pode falar mais quando o palito apagar).
2- Quando o palito apagar passa a caixa ao próximo, recomeçando; até que todos tenham se apresentado.

Pode-se variar o tema para o falatório, experiência aprendida, etc.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

[INSTRUÇÃO] O nosso Serviço

Muito mais do que ajudar, servir é o nosso principal objetivo dentro de um LEO Clube, não basta apensar fazer doações de dinheiro, alimentos... Qual seria a real gratificação se fosse tudo tão fácil assim?
O reconhecimento e a gratificação do trabalho bem feito e cumprido não estão no muito obrigado, no ganho de pins ou nas falas quando somos lembrados ou chamados em frente a toda a plenária para a entrega de certificados, é claro que é uma honra ser lembrado e carregar para sempre uma lembrança material de nossos atos que foram reconhecidos por nossos companheiros. Mas a real gratificação, a real lembrança que devemos sempre nos preocupar em carregar é aquela que ficará para sempre salva em nossos pensamentos, a lembrança do sorriso
radiante de uma criança por receber um brinquedo simples, o sorriso dos velhinhos que muitas vezes são esquecidos nos asilos e que são lembrados por nós, o sorriso de pobres mães que grávidas e sem condições recebem o nosso apoio e ajuda para exames, fraudas e mantimentos. 
Podemos não ser grandes, ou o nosso nome pode não ser tão divulgado pelo mundo, mas nós estamos lutando a cada dia por um mundo melhor, estamos juntos com nossos LIONS e buscamos não nos lembrar da inveja e da fofoca querendo que aqui seja, neste meio de Companheirismo, um verdadeiro local de amizade e irmandade que busca não só mudar o mundo com solidariedade, mas também as pessoas com esse espírito de lealdade e verdade que devemos ter uns com os outros.

C.LEO Júnior (Equipe #SL)

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

[SL] Dicas para início do ano

Como em todo o clube, o inicio do ano é muito difícil, sempre temos a
questão de sócios que se afastam devido trabalho, faculdade, entre outros motivos. 
Não podendo esquecer os problemas internos que se geram.
Que dicas pode dar, para que o clube retome os trabalhos com o 'pé direito' ?


C.LEO Alisson Michelon
Presidente Distrital LEO LD7

"Acredito que a solução para esta dificuldade esteja mais ligada ao planejamento feito no início do AL do que atitudes mitigatórias emergenciais. Conhecemos nosso clube e nossos companheiros e podemos prever quais e quantos estarão se afastando do clube durante o AL e não podemos esperar o momento da sua partida para tomar providências. Para que o clube não sofra é importante a preocupação com a admissão de novos associados no primeiro semestre do Ano Leoístico e não esperar a falta de pessoal para correr atrás do prejuízo. Além disso, a saída de algum companheiro experiente não pode ser sentida pelo clube – uma boa base de preparação para os novos é fundamental. 
Aos presidentes que foram pegos de surpresa com este problema, agora a solução é ter jogo de cintura para que o clube não pare de trabalhar em virtude da saída de companheiros. Uma dica é acreditar e valorizar os companheiros que permaneceram, mostrando a sua importância e incentivando-os a crescer dentro do movimento."



C.LEO Augusto César
Vice-Presidente Distrito LEO LA-2


"Já tive boas experiências com relação esse problema de afastamento de sócios nesse período de festas e férias, essas experiências me fizeram aprender que para não deixar isso acontecer é preciso animar o seu quadro social deixando-o motivado. Ações como: encontros para confraternização e diversão, realização de campanhas e o mais importante de todos não deixar os companheiros se afastarem, são de suma importância para evitar essa desmotivação dos sócios nesse período.
É preciso que líder seja um elo de ligação forte entre os membros do grupo nesse momento, que mantenha os laços de amizade do grupo mais forte que nunca, que ligue e que não esqueça de nenhum dos membros de seu grupo. 
 A dica é motivar e não parar de trabalhar. Simples né?"









C.LEO Florence Façanha
Secretária LEO Clube de Maranguape
Distrito LEO LA-4
"A secretaria é uma área de responsabilidade não é? Então desde o começo a gente tem que tratar de todos os assuntos do clube com muita cautela e organização. Desse modo quando entramos em recesso por um período temos o dever de deixar em ordem todos os assuntos do clube que ficam com em nossas mãos, como atas e relatórios, por exemplo. Então o primeiro passo é antes de começar o recesso. O segundo é na volta checar tudo direitinho pra ver se não faltou nada, porque às vezes a gente pode deixar algo, depois disso começar o resto da metade do AL sem nada para ajeitar, porque se tiver algo acumulado se torna mais complicado lá na frente de passar para outro secretário. Ver com o presidente o que irá se trabalhar e assim se possível poder agilizar ofícios sem preocupação, pois da mesma maneira que volta o clube a ativa, volta também as aulas para muitos de nós e o tempo encurta. Então a dica principal é deixar as coisas bem organizadas antes mesmo até de acontecer porque todos têm outras atividades além do LEO e pelo menos pra mim é mais fácil, porque eu ainda estou no ensino médio e fica puxado para eu ter as tarefas da escola, o estudo para as provas e as atas para fazer. Então para facilitar deixo as coisas prontas para concluir logo de inicio."


C.LEO Vinícius Mariño
Tesoureiro Distrito LEO LD-4
"Bom, todo clube deve iniciar o ano comercial com o pé direito, pois ele deve aproveitar, principalmente, boas datas para se realizar campanhas. Duas dessas passaram-se a pouco tempo, natal e ano novo. Se o clube não aproveitou essas datas, no início de ano, quando, geralmente, a maioria das pessoas que fazem faculdade em outras cidades retornam às suas, pode-se realizar uma festa beneficente. Outra alternativa é o famoso PicoLEO: vende-se picolés (de excelente qualidade) personalizados do LEO Clube. Aproveita-se para divulgar e ganhar um bom troco. Pode-se, também, fazer parceria com um grupo de carnaval para arrecadar fundos ao clube, tendo em vista a proximidade dele (dois meses). No início de março, realizar campanha para o dia da mulher: data extremamente valorizada. E também, claro, pode-se investir na velha e boa rifa de um ar condicionado, a qual no verão é muito vendida (podem acreditar). Enfim, é muito vasto esse campo, mas aí vão algumas dicas quentes para o início de ano. Mas como dica permanente eu deixo: cuidem sempre datas comemorativas! Dia da mulher, das mães, etc..."

Feliz ano novo

Iniciamos o ano de 2012.
Ano de muitas mudanças para o nosso movimento.
Ano de eleição para presidente,
Ano de conclusão de trabalhos,
Ano de conferências e diversos eventos,
Alguns arriscam até o fim do mundo...
Mas para nós é o Ano de SERVIR, cada vez mais
e o Saber LEO deseja para todos nossos visitantes,
Clubes e amigos um Ano cheio de mudanças e serviço!
Feliz 2012!